Reelegendo Inúteis


As eleições municipais estão chegando e nós brasileiros continuamos os mesmos, assim como, a nossa vida continuará a mesma.

É isso mesmo. Temos a péssima mania de reeleger os mesmo vereadores.

Sim, aqueles mesmos que estão há vários mandatos prometendo e sumindo, prometendo e sumindo...

É um erro nossos como eleitores.

Não procuramos saber quais são os novos candidatos e o que desejam fazer, se é apenas mais um emprego com grandes vantagens ou está querendo mesmo melhorar a vida da cidade.

A nossa Câmara de Vereadores, com poucas exceções, não possuiu nenhum “excelente vereador”, daqueles que chamam a atenção por propor projetos e leis que de fato ajudam a cidade e seus munícipes.

Na verdade, o que fez a nossa Câmara de Niterói a não ser baixar a guarda totalmente e praticamente assinar um papel em branco para o prefeito?

Sinceramente, a maioria alcançada pelo executivo municipal na Câmara de Vereadores e algo assustador.

Não lembro ter assistido a Câmara de Niterói desagradar o nosso prefeito em nenhum momento. Tudo passa e aprovam-se tudo. Impressionante.

Mas, como tudo tem um preço e o quadro atual já revelou que a lei do retorno também transita nos meios políticos, creio que um dia isso tudo vai mudar.

Na verdade, Niterói e o Estado do Rio ainda estão bastante contaminados pela velha política, pelo jogo escancarado de interesses. E nesse quadro, claro, sobra para o eleitor, que a tudo paga e por tudo sofre.

Niterói merece novos políticos, com novas idéias e sem a presença daquele conhecido e famoso ranço do “político pegadinha”.

Creio que o eleitor niteroiense sabe que reeleger vereadores inúteis equivale a furar o próprio bolso, dar as costas para o futuro e assistir na imprensa independente os processos dos Tribunais de Contas e escândalos da prática nefasta do “toma-lá-dá-cá”.

Não custa sonharmos com uma Niterói muito melhor, sem obras mal feitas, sem a favelização desenfreada, com as lagoas bem cuidadas, ciclovias bem feitas e sinalizadas, com as leis de trânsito sendo respeitadas, com as contas da prefeitura numa transparência real.

Sonhar com uma cidade bem iluminada, com a poda das árvores em dia, sem buracos ou tampas de esgoto desniveladas, com as praias limpas e quiosques bonitos e limpos, com mais um hospital de verdade, com menos secretarias de governo e com políticos ficha-limpa no comando.

O niteroiense cansou dos escândalos, do enriquecimento abrupto de alguns políticos com dizem por aí, dos amigos influentes e que só prejudicam a cidade e nossa vida.

Podemos melhorar, mas teremos que mudar. E a hora e o jeito certos estão chegando, principalmente quando estivermos na frente da urna, na hora do voto.

Votar no amigo do cunhado do vizinho só porque é um conhecido? Isso já era! Ele vai sumir e reaparecer quatro anos depois para pedir votos novamente, como um vírus.

O nosso voto é precioso e não podemos desperdiçar o momento e votar em meros conhecidos, talvez imaginando que eles resolverão algum problema seu ou no seu bairro lá na frente. Ledo engano.

Ele pode desaparecer, fazer conchavos nos plenários da vida e nunca mais atender você.

Que tal dedicar 30 minutos e estudar os candidatos para escolher aquele ficha-limpa, cuja plataforma política é possível de ser realizada e que você se identifica melhor?