Pacto Teatral Sem Efeito

Fico me perguntando se alguns políticos realmente têm a noção das suas ações e acreditam que o povo é bobo de verdade. Para nós, de classe média, que temos instrução, certas atitudes soam como insultos a nossa inteligência e nos agridem de tal forma que rejeitamos imediatamente o “candidato ator”. Digo ator, pois não passa de uma representação teatral, aviltante.

Convenhamos que o governador Sérgio Cabral teve todo tempo para mostrar a sua dedicação à cidade de Niterói.  Não o fez. Guardou todo seu “ímpeto realizador” para usá-lo na hora da eleição, criando um clima favorável para seu protegido, o deputado Rodrigo Neves. “Combinaram e assinaram um” Pacto por Niterói”, cheio de promessas, iguais as que ele já fez em outras oportunidades ao Jorge Roberto. Findada a gestão atual, não cumpriu o prometido. Quem bem conhece o governador sabe que ele não tem a menor cerimônia para fazer promessas. Vi  e ouvi, certa vez, no final do governo de Godofredo Pinto, ele dizer num encontro empresarial na Maison Cascade, que logo terminasse o mandato de prefeito de Godofredo, que ele seria nomeado secretário de Educação. Eu ouvi e vi, com todos os demais colegas presentes e pessoas que estavam próximas. Godofredo está esperando até hoje... Ao próprio Jorge Roberto ele prometeu mundos e fundos. Onde estão estes recursos prometidos? Rodrigo Neves e o governador estão fazendo uma ação de marketing, sentindo o desespero de ver a sua tão decantada eleição ir embora. No desespero fazem de tudo, insultando o eleitor, com manobras infantis que só enganam a quem quer ser enganado. Pois, nem os menos instruídos caem nesta cantilena. Brincadeira... Onde esteve o governador em todos estes problemas que a cidade passou? O aluguel social do Bumba que tanto a oposição cobra do Jorge Roberto, dependia também do governo do Estado. Projetos caminharam a passos de cágado... Aquelas douradas promessas do governador ao Jorge terão que esperar por uma próxima oportunidade eleitoral. Vai prometer novamente. Mas, não vai sair do papel. Pacto por Niterói...  Isso é a mais absurda manobra eleitoreira que Niterói já viu. Rodrigo Neves adora fazer pactos. Perguntem a qualquer pessoa que fez pacto com ele para saber o que aconteceu... Perguntem para o deputado Jorge Piciani quantos pactos Rodrigo fez e foram cumpridos... Rodrigo foi durante anos apadrinhado da Benedita da Silva. Na hora que precisou descumprir suas promessas, a traiu e apoiou Lindberg Faria. Precisava negociar com Sergio Cabral o apoio as suas ações. Cabral ficou livre da concorrência do Lindberg ao governo do Estado, e conquinatou o apoio de Lula e Lindberg elegeu-se senador, impedindo a vitória do aliado (sempre e correto em tudo), Jorge Piciani. Agora está prometido, em troca, o apoio de Cabral para Lindberg candidatar-se ao governo do Estado na sua sucessão. E o Pezão que tanto trabalhou? Vai ficar a ver navios e talvez o próprio Lindberg também, se Sergio Cabral não conseguir virar Ministro imediatamente, como anseia.  Se conseguir a nomeação da presidente Pezão termina o seu mandato, ele vira ministro e as promessas para o “Pacto por Niterói” que fiquem na memória. Adeus promessas... Pactos... Rastros... E Risos. Parece coisa do Maluf fazendo pacto com o PT. Ninguém realmente leva a sério... Acorda Niterói! Eles estão subestimando a nossa capacidade de perceber a realidade!

Rua Cônsul Francisco Cruz, 3 - Centro - Niterói/RJ

2019 | Design By Stilo