Inevitável Obituário


Nunca faço com prazer, mas como dever de gratidão. Noticiar a morte de amigos é sempre muito ruim, embora na atualidade tenha virado rotina. Nesses últimos dias quatro amigos nos deixaram. Primeiro o colega jornalista, ambientalista de fama internacional e ganhador do Premio Global 500, fundador da Rede Brasileira de Informação Ambiental, Vilmar Berna. Foi muito cedo aos 64 anos.

Depois o líder comunitário da Região de Santa Barbara Nelson Firmo. Companheiro de muitas jornadas. Era um homem íntegro e sério, mas tinha sempre a boa vontade para prestar assistência aos outros.

Em seguida, o popular LIG, Luiz Guilherme da Matta. Homem ligado a cultura e eventos. Abriu o peito novamente para ajustar o seu imenso coração. Desta vez não teve volta.

E agora, enquanto fecho esta edição, recebo a notícia da morte de Chico, antigo e elegante garçom do Novo Ponto, em Icaraí. Que pena! Chico era uma nota positiva em todas as noites de muitas cervejas. Que Pena... Que pena por todas as perdas.