Dados Desprotegidos

Um site intitulado “Tudo sobre todos” está sob investigação do Ministério Público do Distrito Federal, sob a acusação de vender informações dos cidadãos brasileiros (nome, endereços, CPF, data de nascimento, parentes, empresas, perfis em redes sociais e nomes de vizinhos). Segundo o MP, a página cobra partir de R$ 30 por um pacote de consulta e venda de dados.



O site vendas Mercado Livre bloqueou a conta utilizada pela página para comercialização dos dados. Além da suspensão o Mercado Livre repassou ao Ministério Público os dados cadastrais utilizados pelo site “Tudo sobre todos”. Os dados fornecidos pelo Mercado Livre indicam que o domínio está registrado na Suécia, agora o MP tentará localizar os responsáveis pela manutenção do site.

O inquérito civil foi instaurado no dia 22 de junho, e segundo a justiça a prática é ilegal, por ferir o Marco Civil da Internet que assegura aos cidadãos os “direitos de inviolabilidade da intimidade e da vida privada, bem como o direito de não fornecimento a terceiros dos dados pessoais. Será que a justiça sabe que o Google e o Facebook violam essas regras todos os dias e ninguém faz nada?

Os acusados, o site “Tudo sobre todos”, alegam não ferir qualquer lei e desconhecer o motivo da investigação. Alegam ainda que o site é quase “filantrópico”, pois com o serviço prestado, ajudam centenas de pessoas a encontrarem seus familiares e amigos. Alegando ser possível ler diversos relatos de famílias que se reencontraram graças ao site.

Rua Cônsul Francisco Cruz, 3 - Centro - Niterói/RJ

2019 | Design By Stilo