Black Faude: Cuidado!

Muitas pessoas esperam a semana da Black Friday para comprar os presentes das festas de Natal e ano-novo. A previsão é que os consumidores vão preferir fazer as compras de forma on-line por causa da pandemia. No entanto, algumas pessoas sentem certa insegurança na hora da compra por causa dos golpes que são aplicados pela internet hoje em dia.



No momento da compra pela internet, os clientes precisam estar atentos ao valor do frete e ao preço da compra. No caso do valor de entrega, o consumidor deve avaliar se o preço aplicado ao produto é razoável. Muitas vezes as empresas reduzem o valor do produto, mas, na hora de pagar, o consumidor percebe que o frete tem um valor exorbitante.Além disso, o consumidor deve verificar se o preço no início da compra é o mesmo quando chega a hora do pagamento.

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor (CDC), compras feitas pela internet podem ser canceladas no prazo de sete dias a partir da entrega do produto, mesmo que ele não apresente qualquer defeito. O consumidor também tem o direito de requerer o produto pelo mesmo preço e condições anunciadas caso a compra não seja finalizada devido a problemas no site. O fornecedor pode ser responsabilizado pela falha no sistema.

Na ocorrência de defeito do produto, a empresa terá o prazo de 30 dias para reparar a falha. Caso não ocorra no prazo, o consumidor pode exigir a troca por outro produto em perfeitas condições de uso, a devolução integral da quantia paga, devidamente atualizada, ou o abatimento proporcional do preço. Outros direitos podem ser conferidos na página do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec).